terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Abusou do sol para conseguir aquele bronzeado?




A exposição solar prolongada pode provocar queimaduras de diversos graus na pele, causando vermelhidão, queimação e muito incômodo.

Tipos

   A queimadura de 1º grau atinge a camada mais superficial da pele, a epiderme, e se            traduz como uma lesão vermelha, quente e dolorosa. A queimadura solar é um exemplo.
   A queimadura de 2º grau superficial gera bolhas e muita dor; já a de 2º grau profunda é        menos dolorosa, a base da bolha é branca e seca. Pode gerar repercussões sistêmicas e    causar cicatrizes.
  A queimadura de 3º grau é indolor, acomete todas as camadas da pele, podendo chegar     até aos ossos e gerar sérias deformidades.
Os efeitos maléficos da radiação levam ao desenvolvimento do câncer de pele e ao envelhecimento cutâneo - não serão amenizados com o tratamento da queimadura solar

Tratamento

  Os tratamentos para queimadura de sol são variados, desde o uso de cremes calmantes e   cicatrizantes (todos devem ser prescritos pelo médico). Já o uso de curativos especiais é     indicado para os casos intermediários ou graves.
Veja os tratamentos de acordo com o grau da queimadura de sol:
  • Queimadura de sol de primeiro grau: usamse placas de silicone, que são colocadas na região e deixadas por de duas a oito horas, fechadas com curativo no local
  • Queimadura de sol de segundo grau: é necessária a limpeza local uma vez ao dia e uso de cremes com corticóides e antibióticos. É preciso esperar a bolha sumir e então tratar com soro fisiológico e cremes. Também são usados cremes hidratantes com vitaminas várias vezes ao dia
  • Queimadura de sol de terceiro grau: é preciso limpar muito com água corrente, romper a bolha e hidratar a pessoa com soro fisiológico se necessário. Usar cremes com antibiótico e esperar a bolha desaparecer. Enquanto está com bolha, somente usar cremes e antibióticos por via oral. Quando a bolha sumir, placas de silicone e cremes hidratantes são utilizados várias vezes ao dia.

Grandes queimaduras podem causar desidratação e choque, sendo muito graves. No caso de não ir para um serviço médico, lavar com água corrente e proteger-se do sol. Quando a área queimada for muito extensa, pode ser necessário hidratação com soro.

0 comentários: